TCC-LandingPage-v1

A VIDA DE UNAS

A Vida de Unas RFM – Violência Doméstica

UNAS RFM - Violência Doméstica (TCC)

Joana

E já cá está o Rui Unas, que hoje vem chamar a atenção para o maior flagelo que actualmente atormenta Portugal: a violência doméstica.

Rui

É verdade, Joana. Hoje vou falar do líder destacado no ranking dos flagelos nacionais. Muito à frente do actual governo, da família Espirito Santo, e dos Fiat Puntos rebaixados.

Joana

Quem é que fez esse ranking, Rui?

RUi

Errr... eu.

Mariana

Logo vi. E no teu ranking o governo está à frente dos Puntos rebaixados?

Rui

Não estava, Mariana. Mas com a apresentação do orçamento para 2015 passou a estar. O governo ocupa agora o terceiro lugar no ranking dos flagelos nacionais, a uma declaração do Rui Machete de distância de passar para segundo.

André

E quem é que está em segundo lugar no ranking dos flagelos nacionais?

Rui

O dueto do Mikael Carreira com o Enrique Iglesias. Mas está empatado com as esteticistas que fazem unhas de gel e com a expressão OMG dita oralmente.

Joana

(exasperada)

Como é que é possível que sempre que queres falar de um assunto sério, descambas para a parvoíce?!

Rui

Aprendi com o Rui Machete. Mas tens razão, Joana. Vamos lá falar a sério. Estou muito preocupado com o que se passa em Portugal relativamente à violência doméstica. E só não estou mais preocupado porque parece que o tribunal aceitou uma providência cautelar que impede o Manuel Maria Carrilho de mandar com a sua falta de talento político à cabeça da Bárbara Guimarães.

André

Se calhar acrescentava “alegadamente” a isso.

Rui

Pode ser. Sinceramente, não percebo as pessoas que agridem as companheiras. Com tantas estrelas para imitar como o Ronaldo, o Tony Carreira, ou até eu, e vão logo imitar o Paco Bandeira.

André

Alegadamente?

Rui

Não, André. Aqui não. Se a ciência forense descobriu vestígios de viola no crânio da ex-mulher do Paco, o alegadamente não se aplica. Por falar no contrário de Paco Bandeira, sabiam que em Portugal há quase quinhentos homens presos por violência doméstica?

mariana

A sério?

Rui

É verdade, Mariana. Só para teres uma ideia, há mais agressores presos do que pessoas a verem a RTP2. E é muito bem feito! Para mim, quem pratica a violência doméstica é uma besta e merece estar preso!

Mariana

Bem dito, Rui!

Rui

É o que eu sinto. Quem coloca em risco a segurança de outros desta maneira não tem desculpa. Consigo quase desculpar a declaração do Rui Machete relativamente às jihadistas portuguesas, porque pode ser atribuída ao facto de o senhor já ter idade para jogar dominó. Mas agressões, não desculpo!

Joana

Não é muito normal mas neste caso concordo contigo.

Rui

Ah, e a estupidez não é desculpa. Porque a maior concentração de estupidez está na Casa dos Segredos, e para além da língua portuguesa e a cultura geral, não tenho conhecimento que mais alguém tenha sido agredido.

André

Por acaso, diz-se que uma das concorrentes já teve a arma do ex-namorado na boca.

Silêncio constrangedor.

Rui

Se calhar não fraseámos isso bem, não foi, André? Pois foi.

Joana

(séria)

Bem, vamos acabar com a parvoíce e deixar um apelo assinado por toda a equipa do Café da Manhã. A violência doméstica é um crime público. Se assistir a algo que se caracterize como violência doméstica, deve denunciá-lo imediatamente às autoridades.

Rui

Obviamente eu assino por baixo do que a Joana disse, e aproveito para avisar que eu e a minha mulher gostamos de fazer uma brincadeira chamada “Corre, Corre, Pequeno Pónei” que inclui uma cauda felpuda e uma chibatinha. Se por acaso nos virem a fazer isso, não é violência doméstica.

Joana

Quem é o pónei?

Rui

(pausa) Eu.

Joana

Então não é violência doméstica.

Nota: Este guião foi entregue com esta redacção. Mas, como é normal, os artistas que o entregam podem cortar, mudar, improvisar em cima dele. Assim sendo, o que saiu para o público poderá não ser exactamente o que aqui está reproduzido.